exclusao-pis-cofins

EXCLUSÃO DO ICMS DAS BASES DE CÁLCULO DO PIS E DA COFINS

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal, pautou para o dia 5 de dezembro de 2019 o julgamento dos embargos de declaração opostos contra a decisão que excluiu o ICMS da base de cálculo do PIS e da COFINS.

O julgamento dos embargos de declaração da Procuradoria no processo discute dois pontos: 1) qual o valor a ser retirado (ICMS faturado ou apurado); e 2) pedido de modulação dos efeitos do julgamento (A partir de quando a decisão do STF produziria os efeitos).

Enquanto isso, a Receita vem dando interpretações jurídicas que restringem o alcance da decisão do STF e autuando diversas empresas.

A Procuradoria-Geral da República deu parecer favorável à modulação para que a decisão do Supremo não retroaja. O recurso tem como Relatora a ministra Cármen Lúcia.

Fonte: CONJUR

A equipe Tributária de R. Amaral Advogados está à disposição para maiores esclarecimentos.

Alexandre Linhares                                                  Gustavo Bevilaqua
alexandre.linhares@ramaral.com                              gustavo.bevilaqua@ramaral.com

Sâmara Fernandes                                                   Mellissa Freitas
samara.fernandes@ramaral.com                               mellissa.freitas@ramaral.com

Igor Azevedo                                                           Victor Maia
igor.azevedo@ramaral.com                                       victor.maia@ramaral.com

Felipe Macedo                                                          Cynara Romão
felipe.macedo@ramaral.com                                     cynara.romao@ramaral.com

Deixe seu comentário